Florbela Espanca

Após circular por Portugal, Cabo Verde, Estados Unidos e Brasil, o espetáculo Florbela Espanca volta aos palcos em nova montagem, com estreia em grande teatro da capital paulista. Esse monólogo de elevada qualidade artística, conta com a interpretação da atriz brasileira Lorenna Mesquita, pesquisadora da vida e obra dessa grande poeta portuguesa. Neste novo projeto, Florbela Espanca – eu quero amar, a atriz será acompanhada ao vivo por um quarteto de cordas que irá executar a sonoplastia e a trilha musical durante o espetáculo, como na projeção dos filmes mudos da década de 20. O público estimado é de doze mil pessoas nessa primeira temporada. Todos os ingressos serão gratuitos.

O público estará diante de um espetáculo que valoriza a pessoa, a poesia e língua: a pessoa não apenas concentrada em Florbela Espanca, mas no ser humano, com o que ele tem de mais enigmático e assustador; a poesia, na medida em que como poeta Florbela contribui para o desenvolvimento da arte, sobretudo através dos sonetos onde revelou o seu drama existencial e as influências filosóficas (Hegel, Kant, Nietzche) que foram determinantes para a sua postura livre perante a sociedade conservadora e a língua, pelo espólio literário produzido em português e pelo pluralismo e intercâmbio cultural que influenciou o seu espírito, dotando-a da mentalidade aberta e paradigmática do seu tempo.

A primeira montagem do solo teatral Florbela Espanca foi visto em:
19 cidades de Portugal 
Tucson, Estados Unidos 
Cidade da Praia e Mindelo, Cabo Verde

"Espetáculo intenso, bonito e envolvente. Intimista independente do número de pessoas a assistir. Muito obrigado por este momento tão seu e tão Florbela."

Miguel Carvalho, vereador da cultura de Alvaiázere, Portugal.

"Andava um pouco esquecida dos motivos que, desde cedo, me levaram a ser fã de Florbela Espanca. Hoje recordei-os todos e pude confirmá-los. A interpretação fantástica da Lorenna Mesquita conseguiu emocionar-me. Não pude deixar de a felicitar pessoalmente, no final. Arrepiou-me e comoveu-me! Foi fantástico!!! Muito e muitos parabéns!!! E muito obrigada pela divulgação desta poetisa enorme que foi a Florbela Espanca!!!"

Paula Loureiro, professora do Agrupamento de Escolas de Mangualde, Portugal.

"Dear friends from Brazil and the US, last Saturday I was gifted with the unique opportunity to meet personally the Brazilian Actress Lorenna Mesquita.The play is Florbela Espanca and it is absolutely beautiful! I am hoping Lorenna decides to translate it into English and come back to the US to present for us in English! I will let you all know! For now I encourage my Brazilian friends in Brazil to go and see her in Sao Paulo! "

Shirlëne Rossi-Kennedy, Tucson, USA.

Histórico do espetáculo

A primeira montagem do espetáculo, intitulado Florbela Espanca – a hora que passa, estreou em Portugal, em 21 de março de 2014 no Dia Mundial da Poesia, percorrendo 19 cidades numa temporadas de 45 dias. Ainda no mesmo ano, o espetáculo voltou a seis cidades portuguesas para as comemorações oficiais dos 120 anos de nascimento de Florbela Espanca.

 

O monólogo também foi visto em Cabo Verde (cidades da Praia e do Mindelo) e nos Estados Unidos (Tucson). No Brasil, entrou em temporada no Teatro MuBE em São Paulo e em Belém.

 

A atriz ficou em cartaz até os oito meses de gravidez.

Clipping de Notícias: Clique Aqui

Ficha Técnica

Direção e Atuação: Lorenna Mesquita

Iluminação: Lúcia Chedieck 

Direção Musical: Andreia Vitfer

Fotografia: Vagner Click, Luciana Silveira, Ali St. 

Realização e Produção: Srta.Lô Produções

Duração: 60 minutos.

Classificação: 14 anos.